Principal

postheadericon Maternidade Municipal Alzira Reis será reformada

EBPKZs6W4AE3UHI

 

 

A maternidade municipal Alzira Reis, em Charitas, terá sua capacidade de atendimento ampliada em 30%. O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, assinou hoje (15) a ordem de contratação da empresa que realizará a obra de reforma e ampliação da unidade. O investimento do Município neste projeto será de cerca de R$ 15 milhões.

 

Rodrigo Neves explicou que o prédio não podia passar por reformas por questões judiciais. Na última quarta-feira (14), a Prefeitura e o Governo do Estado assinaram o termo de cooperação para a cessão da área, que possibilitará a obra.


“A maternidade Alzira Reis, com seus profissionais, presta um excelente atendimento, mesmo em uma estrutura antiga. Mais de 23 mil nascimentos já foram registrados na unidade. Com esta reforma poderemos atender com ainda mais qualidade as mães e bebês. Será mais um marco para a Saúde de Niterói”, enfatizou o prefeito.


Com a obra, que vai abranger uma área de 3.715 metros quadrados e tem previsão de início neste semestre, a maternidade municipal passará a contar com uma das estruturas mais modernas do Estado do Rio de Janeiro. Os atendimentos não serão interrompidos no período da reforma.


Especializada em parto normal humanizado, a unidade contará com leitos de recuperação pós-anestésica e toda estrutura de apoio a estes procedimentos. Na ala de internação, quatro unidades serão planejadas para a realização das atividades de pré-parto, parto e pós-parto no mesmo ambiente e um quarto especial para pacientes que apresentem quadro de intercorrências que indiquem atenção especial.


“Também será implantada uma Unidade de Cuidados Intermediários para recém-nascidos, com seis berços em ambiente equipado e planejado. O projeto contempla atenção aos ambientes de acolhimento, com salas específicas para os exames de ultrassonografia, ecocardiograma e análises clínicas, leitos de observação para avaliação da indicação de internação, além de ambientes planejados para as atividades de apoio ao aleitamento”, pontuou a secretária municipal de Saúde, Maria Célia Vasconcellos.


Toda a infraestrutura predial, com redimensionamento de instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias também será substituída. O prédio receberá ainda sistemas de ar condicionado, atendimento por grupo-gerador para fornecimento de energia, sistema de controle por câmeras de segurança e implantação de rede de lógica integrando todos os serviços através de sistema de informação.

 

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

 

A Prefeitura de Niterói vai lançar na primeira quinzena de agosto o edital das obras de reforma e ampliação da Maternidade Municipal Alzira Reis, em Charitas. O prédio, que possui quase 60 anos e foi recentemente cedido ao município pela Justiça, vai contar com uma das estruturas mais modernas do Estado do Rio de Janeiro. A obra abrange área de 3.715 m² e tem previsão de inicio ainda este semestre. Os atendimentos não serão interrompidos no período.


O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, destaca a importância da obra para a cidade.

“A Alzira Reis é uma maternidade que presta um excelente atendimento, mesmo em uma estrutura antiga, mas que não podia passar por reformas por questões judiciais. Agora que o prédio foi cedido à administração municipal, vamos investir mais de R$ 15 milhões na melhoria da infraestrutura para atender com ainda mais qualidade as mães e bebês que passam por lá”, afirmou o prefeito, destacando que será mais um marco para a Saúde de Niterói.

A secretária municipal de Saúde, Maria Célia Vasconcellos, explica que a unidade, especializada em parto normal humanizado, contará com duas salas, leitos de recuperação pós-anestésica e toda estrutura de apoio a estes procedimentos. Na ala de internação, quatro unidades serão planejadas para a realização das atividades de pré-parto, parto e pós-parto no mesmo ambiente e um quarto especial para pacientes que apresentem quadro de intercorrências que indiquem atenção especial.

“Será implantada uma Unidade de Cuidados Intermediários para recém-nascidos, com seis berços em ambiente equipado e planejado. O projeto também contempla atenção aos ambientes de acolhimento, com salas específicas para os exames de ultrassonografia, ecocardiograma e análises clínicas; leitos de observação para avaliação da indicação de internação; além de ambientes planejados para estar de acompanhantes e para as atividades de apoio ao aleitamento”, afirma a secretária.

Também será substituída toda a infraestrutura predial, com redimensionamento de instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias, inclusão de sistemas de ar condicionado em toda a edificação, atendimento por grupo-gerador para fornecimento de energia, sistema de controle por câmeras de segurança e implantação de rede de lógica integrando todos os serviços através de sistema de informação.

Jackeline Salustiano, de 19 anos, se mudou há dois anos para Niterói, vindo da Paraíba, onde teve sua primeira filha no Hospital Regional de Guarabira. Agora, na Maternidade Alzira Reis, onde há 8 dias deu à luz para Maria Emanuelly, fez elogios a unidade.

“Aqui tem uma equipe de profissionais excelente e notei uma boa estrutura para o parto, mas agora com a reforma vai ficar ótimo. Se o atendimento já era bom, vai ficar ainda melhor", declarou ao ser informada que a unidade entrará em reformas.

 

 

 

 


 
Banner
Banner
DIGITE SUA BUSCA
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner